Na próxima segunda-feira, dia 21, comemora-se o Dia Internacional de Luta Contra a Discriminação Racial. Em 21 de março de 1960, na África do Sul, 20 mil negros protestavam contra uma lei que limitava os lugares por onde eles podiam circular. A manifestação era pacífica, mas tropas do Exército atiraram contra a multidão. 69 pessoas morreram e outras 186 ficaram feridas, no episódio que ficou conhecido como massacre de Shaperville. Por isso, a ONU instituiu a data.


Às 14h, a Universidade Zumbi dos Palmares e a Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo (FEA/USP) promovem um seminário que debaterá dois estudos.


Um deles investiga a disparidade de renda no Brasil, considerando perspectivas de raça e gênero. O outro trata do descompasso da participação da população negra no mercado de trabalho. Participam como debatedores os professores Dr. Valdir Martins, da Zumbi, e Ms. Ana Bottega, da Made/USP. Os comentários serão de José Henriques (UnB/REPP). As coordenadoras do evento são as professoras Profa. Dra. Graziella Maria Comini (FEA/USP) e Profa. Dra. Felicia Urbina Ponce (UZP).


Para participar basta se inscrever pelo link de inscrição e, no dia, acessar o link no horário do evento e inserir as informações de acesso: ID da reunião: 862 2628 8938,Senha de acesso: 448289.


Também no dia 21, às 20h, a Universidade Zumbi dos Palmares em parceria com a POLI-USP promove um ciclo de palestras gratuitas, com diversas personalidades. As inscrições podem ser feitas aqui.


Além do reitor José Vicente participam do evento o Prof. Robson Silva Ferreira; Prof. Reinaldo Giudici, diretor da Escola Politécnica da USP; Merllin de Souza, fisioterapeuta, doutoranda em Ciências pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação da Faculdade de Medicina da USP; Prof. Marcio Roberto da Silva Oliveira e Ronaldo Mota, Diretor do Instituto Turing.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *